COVID-19: Em audiência pública virtual, Lenir pede atenção para as Comunidades indígenas



A deputada estadual Lenir Rodrigues (CIDADANIA) entende que os povos indígenas podem ser mais suscetíveis a viroses e infecções respiratórias como a covid-19 e também sobre a necessidade de atendimento e testes rápidos para a população das vilas e vicinais do interior do Estado. A deputada manifestou sua preocupação nesta terça-feira (17) durante a primeira Audiência Pública Virtual da história de Roraima, realizada pela Assembleia Legislativa de Roraima de Roraima (ALERR).


A audiência teve participação do ministro interino da Saúde, general Eduardo Pazuello, do governador de Roraima, Antonio Denarium e mais de 30 insituições e autoridades. Na ocasião, Lenir Rodrigues destacou a importância da união entre os poderes neste momento de pandemia. ''Essa é a hora de nos despirmos de preconceitos e picuinhas para lutarmos pela vida, por um maior apoio aos municípios, principalmente às vilas, vicinais e comunidades indígenas para melhorar a Saúde do Estado como um todo''.


A parlamentar já havia se pronunciado anteriormente pelo cuidado às vidas indígenas, na sessão desta segunda (16), destacando que a SESAI é responsável pela Atenção Básica, mas o Estado é responsável Média e Alta Complexidade. Na semana passada, Lenir fez duas indicações ao Poder Executivo para auxiliar os povos no enfrentamento ao Covid-19. Uma para que o Governo do Estado distribua materiais de desinfecção, limpeza e higiene às comunidades indígenas e outra para distribuição urgente de testes rápidos do novo coronavírus nas localidades que tem casos confirmados da doença.


Para ela, a audiência ''Foi uma verdadeira prestação de contas para a sociedade'', com a divulgação de informações importantíssimas sobre a abertura do Hospital de Campanha, participação do Estado no combate à covid e sobre a verba de R$ 48 milhões repassada pelo Governo Federal.

0 visualização